em destaque

CM TV

Diretor Octávio Ribeiro
Dir.-adj. Carlos Rodrigues, Armando Esteves Pereira, Eduardo Dâmaso, José Carlos Castro
Dir.-adj. de Programação Francisco Penim

Prova dos professores é inconstitucional

Sexta-feira - 16/10/2015
A Federação Nacional dos Professores (FENPROF) anunciou esta sexta-feira ter recebido do Tribunal Constitucional a declaração de inconstitucionalidade da prova de avaliação dos professores contratados, agendada para 18 de dezembro.

Professores contratados voltam a realizar prova

Quarta-feira - 25/3/2015

Os professores contratados voltaram, nesta quarta-feira, a realizar a prova de competências.

Ministério anuncia rescisão de 1342 professores

Quinta-feira - 13/11/2014

O Ministério da Educação anunciou, esta quarta-feira, que há registo de 1342 professores que rescindiram com o Estado por mútuo acordo. No total, desistiram de sair do Estado 429 docentes.

Há 35 mil alunos ainda sem professores

Quarta-feira - 29/10/2014

Um mês e meio depois do arranque do ano letivo 2014/2015, há ainda 35 mil alunos sem aulas ou com falta de professores a certas disciplinas devido aos problemas na colocação de docentes.

Professores queixam-se de falta de respostas do Governo

Quinta-feira - 23/10/2014

Os sindicatos dos professores estiveram reunidos esta quinta-feira com o Governo. À saída do encontro, o líder da Fenprof falou à CMTV. "

400 mil alunos sem professores

Sexta-feira - 26/9/2014

Duas semanas após o início do ano escolar, os sindicatos estimam em 400 mil o número de alunos sem professores. Atrasos e erros nas colocações de docentes levam Fenprof a apresentar uma proposta aos deputados para a criação de uma lei eficaz.

Professores protestam no Parlamento após desculpas de ministro

Quinta-feira - 18/9/2014

Cerca de 200 professores protestaram, esta quinta-feira, nas galerias do Parlamento e acabaram mesmo por ser expulsos. Antes, a manifestação verificou-se às portas do Ministério da Educação.

Protestos e invasões não travam prova aos professores

Terça-feira - 22/7/2014

Houve invasões de escolas e tumultos, mas Ministério da Educação garante que só numa das 88 escolas não houve prova. Já a Fenprof diz que não houve em quatro escolas. Os professores impedidos de fazer a prova não “serão prejudicados”, segundo Nuno Crato que adiantou ainda que vai analisar “caso a caso”.

Professores invadem escola no Porto

Terça-feira - 22/7/2014

Ministério da Educação suspende a suspensão da prova. Fenprof diz que vai apresentar queixa-crime.

Fenprof exige demissão do Ministro da Educação

Segunda-feira - 21/7/2014

A Fenprof exigiu esta segunda-feira, em Coimbra, a demissão de Nuno Crato, Ministro da Educação e da Ciência, pela forma como tem vindo a conduzir o processo de avaliação dos docentes.